Ídolos do Coração - Estudo 1 (Baseado no livro Deuses Falsos, de Tim Keller)



Estudo 1: Compreendendo a idolatria

INTRODUÇÃO
1)      Assunto - Ídolos do Coração: entendendo e libertando-se dos falsos deuses que nos dominam.
2)      Livro base: A Bíblia; Deus Falsos, de Tim Keller, editora Thomas Nelson.

PERGUNTAS INTRODUTÓRIAS:
1)      Quando falamos a palavra Ídolo, o que vem à sua mente?
2)      Sendo assim, o que seria idolatria?
3)      Um bom exemplo de idolatria é encontrado na Bíblia. Em Atos 17, Paulo chega na cidade de Atenas, na Grécia, e se depara com várias imagens de culto. Dentre os deuses gregos, os mais conhecidos eram Afrodite, deusa da beleza; Ares, o deus da guerra; e Artemis, deusa da fertilidade, além de outros como Zeus e Hermes.
4)      Você acha que este tipo de idolatria acabou, ou ela apenas é expressa de outra forma? Dois exemplos: a) Atualmente, as pessoas não se prostram diante de uma estátua da deusa da beleza, mas a beleza tem sido um deus para muitas pessoas, assim como o dinheiro, o sucesso e as grandes realizações; b) Não vemos mais pais sacrificando filhos para um deus de prosperidade, mas quantos pais tem sacrificado seus filhos em prol de uma vida mais próspera?
5)       A idolatria continua mais viva do que nunca. Porém, hoje ela não é realizada meramente em templos religiosos, mas em shoppings, salões de beleza, escritórios, academias e até mesmo na frente de um computador.

I.                   O QUE SÃO ÍDOLOS?
A.               Exodo 20:2-5
1.                 Como este texto descreve um ídolo?
a)                Um ídolo é simplesmente qualquer coisa que você adore além de Deus.
2.                 Um ídolo é qualquer coisa que você procura para dar a você aquilo que apenas Deus pode te darTim Keller. Como esta frase de Tim Keller pode ser vista neste texto de Êxodo?
a)                Deus foi aquele que libertou o povo do Egito, aquele que supriu os maiores anseios daquele povo. Assim, sempre que achamos que algo além de Deus pode fazer por nós o que apenas Deus pode, cometemos idolatria.
b)               Exemplos:
(1)             Achar que determinado santo pode ouvir suas preces e te libertar de um problema.
(2)             Achar que sua felicidade depende de ter algo além de Deus, de tal forma que, se você não tem, você não é inteiramente feliz.
B.                Segundo este texto, é possível que tenhamos mais de um ídolo? Sim, pois ele diz “não terás outros deuses diante de mim”.

II.                 O QUE PODE SE TORNAR UM ÍDOLO?
A.               Ezequiel 14:3 – “Filho do homem, estes homens ergueram ídolos em seus corações e puseram tropeços ímpios diante de si.”
1.                 Onde estão sendo erguidos os ídolos?
2.                 A idolatria é algo do coração e, por isso, envolve necessariamente os nossos desejos e anseios.
B.                Exo 20:4  "Não farás para ti nenhum ídolo, nenhuma imagem de qualquer coisa no céu, na terra, ou nas águas debaixo da terra.”
1.                 Segundo esse texto, o que pode se tornar um ídolo? Qualquer coisa.
2.                 Portanto, qualquer coisa em nossas vidas pode servir de ídolo para nós.
C.               Exemplo
1.                 Os ídolos mais comuns são: riqueza, prazer sexual, conforto, beleza e o sucesso.
2.                 Mas um time de futebol, um namorado(a), um filho(a), um cônjuge, uma mania e etc também são muitas vezes idolatrados.
3.                 NOTE: a grande maioria das coisas que consideramos deuses para nós são, em si, coisas boas.
4.                 Tim Keller divide a idolatria em três categorias:
a)                Os ídolos pessoais – são aqueles que envolvem satisfação pessoal, como o poder, as realizações e os prazeres.
b)               Os ídolos culturais – são os ídolos típicos de uma sociedade, como prosperidade econômica, desenvolvimento tecnológico, dominação militar.
c)                Os ídolos intelectuais, ou as ideologias – são ídolos ideológicos, como a confiança em um sistema econômico ou político.
5.                 Às vezes, o que as pessoas chamam de “questão de temperamento” ou “questões psicológicas” são, na verdade, questões de idolatria.
a)                O perfeccionismo é, na verdade, a veneração da perfeição.
b)               Um workaholic é, na verdade, a veneração do ativismo.
c)                A timidez é, na verdade, a veneração da imagem pessoal.


III.             COMO SABER SE EU TENHO UM ÍDOLO?

A.               Deuteronômio 6:4,5 – “Ouça, ó Israel: O Senhor, o nosso Deus, é o único Senhor. Ame o Senhor, o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todas as suas forças.”
1.                 Segundo este texto, visto que Deus é o único Deus, como deve ser a nossa dedicação a ele?
2.                 Portanto, um ídolo, além de ser aquilo que consideramos como um deus em nossas vidas, é algo que toma de nós uma dedicação que apenas Deus deveria tomar.
3.                 Um ídolo possui uma posição de controle sobre o seu coração quando você dispõe muito de sua paixão e energia, de seus recursos materiais e emocionais nele sem pensar duas vezes” Tim Keller.
4.                  Sendo assim, três perguntas são importantes para identificarmos um ídolo em nossas vidas:
a)                Há algo que domina o meu coração de tal forma que eu jamais admitiria viver sem isso?
b)               Há algo que domina a minha alma de tal forma que eu estaria disposto a pecar para possuir?
c)                Há algo que domina a minha força de tal forma que requer a minha máxima dedicação?

IV.             COMO É A RELAÇÃO COM OS ÍDOLOS?

A.               A Bíblia descreve a relação dos homens com um ídolo como um adultério, ou uma relação promíscua de amor.
1.                 Ez 16:16  Você usou algumas de suas roupas para adornar altares idólatras, onde levou adiante a sua prostituição. Coisas assim não deveriam acontecer jamais!
2.                 Nós olhamos para nossos ídolos com amor. Pensamos que apenas eles são capazes de nos trazer plena satisfação.
3.                 Pense: O que você ama imaginar? Qual é o seu maior desejo?

B.                A Bíblia também descreve nossa relação com um ídolo em termos religiosos. Achamos que nossa salvação depende dele(s).
1.                 Jer 2:28  E onde estão os deuses que você fabricou para si? Que eles venham, se puderem salvá-la na hora da adversidade!
2.                 Olhamos para um ídolo como aquilo que nos traz segurança. É aquilo que queremos ter por julgarmos que não podemos viver sem.
3.                 Pense: qual é o seu maior medo? O que é aquilo que, se você perder, sua vida não faria mais sentido?

C.               A Bíblia também descreve nossa relação com o ídolo em termos de serviço. Nós valorizamos tanto aquele ídolo, que nos colocamos ao seu serviço.
1.                 Mat 6:24  "Ninguém pode servir a dois senhores; pois odiará a um e amará o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Vocês não podem servir a Deus e ao Dinheiro".
2.                 O ídolo é algo que consideramos inegociável. Somos capazes de qualquer coisa para satisfazê-lo.
Pense: o que você está disposto a fazer para defender sua imagem? O que te deixa ansioso, irado, desanimado? 

1 comentários: